Vamos falar de tabus sim!

10599412_814615698583566_3145243448368224578_n

Maconha é um tabu. Shhhhh, fala baixo. E use um ‘apelido’ para a erva, afinal, seu nome de verdade é muito… Estigmatizado.
Fomos todos criados sob as regras dos tabus. Meninas não podem falar de sexo, meninos não podem chorar. Quando eu era mais nova, só de ouvir coisas relacionadas a sexo eu já achava um absurdo, e ao mesmo tempo, amigos da mesma idade faziam piadinhas e já tinham pornô no celular. Enquanto isso, se eu chorasse na escola era “coitadinha”, se um menino chorasse era “viado”. Sim, com “i”.
Por muito tempo me reprimi (e sei que vocês também) a falar sobre muitas coisas. Falar e fazer. Mas calma, já chego lá. Falar de drogas? Jamais! Quantos caras já beijei/transei? Jamais! Sexo? Jamais! Sentimentos? Jamais! O que eu penso de verdade? Jamais! Beijar alguém do mesmo sexo? Jamais!
Ah, antes que eu esqueça, você não pode pensar. Não, não pode. Você só pode reproduzir o que lhe foi dito.
Agora fazer é diferente. Falar não pode, fazer também não, mas e a curiosidade? E o gostinho de proibido? Fazer fazem, mas não têm a coragem de admitir. Admitir o que? Que já fizeram algo que é “errado”? Mas… errado por que? Aí que tá!
Quero poder falar de maconha, sexo, bebida, quantas pessoas beijei, homossexualidade, aborto, sobre meus sentimentos. Ah, sentimentos!
Sentimento é um tabu. É feio sentir. Ter qualquer tipo de sentimento, positivo ou negativo te faz mal e é errado na sociedade atual onde todxs devemos ser frios e racionais. Adeus por a culpa no coração. Talvez seja por isso que as comédias românticas fazem tanto sucesso, afinal as pessoas negam essa “magia” em suas vidas, e só a veem através de filmes e livros mamão com açúcar.
Nunca entendi porque algumas coisas são tabus. Por que quando eu era mais nova não podia falar sobre sexo? E para algumas pessoas ainda não posso, já que sou mulher! Por que drogas sempre foram nos vendidas como coisas horríveis para a vida-sociedade-etc e esqueceram de nos contar o que há por trás disso de verdade? Por que maconha ainda é ilegal, sabendo dos benefícios e que 41% dos brasileiros assumem que já apertaram um (e 1,5 milhão fazem isso todo dia, e tão aí, vivendo, estudando, trabalhando…)? Por que eu não posso escolher não dar luz? E acima de tudo: por que eu não posso? Por que isso tudo é um tabu? Por que? E desde quando?
Quero ter liberdade para achar e pensar o que eu quiser, para viver fora dessa rede. Mas eu sei que se eu fizer isso serei considerada uma “louca-aborteira-feminazi-maconheira-drogada-etc” e não serei levada a sério.
Só abra sua cabeça.
Só.

(enquanto escrevia esse texto surgiu essa foto da Helozinha na minha timeline, achei justo coloca-la pra ilustrar o texto E CURTA A PAGINA, É DEMAIS! #GOHELOZINHA)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s